terça-feira, 12 de julho de 2011

Andador...sim ou não?

 Como é divertido vermos nossos filhos felizes e brincando...esse pode ser um dos principais motivos para adquirirmos uma andador (voador, disquinho, etc). Mas será que é divertido mesmo.

Desde que o Arthur nasceu meu sogro fala que vai comprar um andador para ele, eu sempre fui meio contra, achava que isso poderia prejudicar as articulações dele, etc. Como sogro é sogro preferi ter uma opinião melhor sobre isso e não apenas dizer que não queríamos um andador para o Arthur.

A primeira opinião que tivemos foi da pediatra, ela explicou sobre os riscos do andador e para a minha surpresa pouco tinha haver com as articulações, a posição, mas sim com as quedas.

Criança cai, hoje mesmo o Arthur caiu ao meu lado...é só piscarmos que eles caem, mas as quedas de crianças que usam andador podem ser sérias.

Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria, das quedas com o andador 80% são em escadas, dá medo só de imaginar um bebêzinho rolando escada abaixo. Mas aí muitas mães podem dizer que moram em casas onde não há escadas, que sempre estão por perto quando colocam seus bebês em andadores, então vai outro dado: 70% das crianças que sofreram traumatismos ao usarem andadores estavam sob supervisão de um adulto.

Em países como o Canadá andadores são proibidos, isso quer dizer....não podem ser vendidos, nem usados, não há peças de reposição, pais que tinham andadores em casa foram orientados a DESTRUÍ-LOS... O que eles sugerem como alternativa são ginásios fixos (centro de atividades) onde o risco é menor.


Mesmo após ler tudo isso ver crianças brincando em andadores, livres, felizes me deixou um pouco triste, será que eu estava privando meu filho de brincar. Durante um passeio na casa de amigos tive a oportunidade de "testar" o andador. Foi só colocar o Arthur e em um segundo ele saiu correndo...foi direto para a frente do computador (com uma vontade enorme de puxar tudo), foi aí que fiquei mais tranquila...imaginei o tanto de coisas que o Arthur tentaria puxar aqui em casa e o risco que ele estaria correndo. Nos poucos minutos que o Arthur ficou no andador observei a facilidade de cair com a cabeça no chão...o peso da cabeça dos bebês em relação ao corpo é maior proporcionalmente do que o da nossa, e com o restante do corpo preso ao andador fica ainda mais fácil esse tipo de queda.



Claro, nem todas as crianças que usam andador vão cair, mas acidentes podem acontecer!

Agora aos 10 meses o Arthur quer ficar  tempo todo em pé, no chão...e não tem mãe que dê conta de ficar segurando nas mãozinhas o dia todo. Fui em busca de alternativas...

Há algum tempo havia visto os andadores da Fisher Price, eles são semelhantes a andadores para pessoas idosas ou com algum tipo de deficiência...são lindos, porém caros. Depois de muito pesquisar, pensar e repensar acabamos comprando um para o Arthur, se ele não usar como andador, pelo menos usará depois, sentadinho em cima.

Mas para a minha decepção o Arthur ainda não aprendeu a usar perfeitamente. Ainda não tive coragem de deixa-lo andar sozinho...sempre estou segurando. Achei que o andador é um pouco leve e em pisos lisos é empurrado com muita facilidade e o Arthur não consegue acompanhar com seus passinhos.

Vi que há outros modelos semelhantes, alguns podem ser usados de diferentes formas, assim se o bebê não brinca de um jeito, poderá brincar de outro. Mas é um brinquedo totalmente dispensável...cedo ou tarde nossos filhos vão crescer e no tempo deles aprenderão a dar os primeiros passos...vão cair, levantar, andar e cair novamente...faz parte da vida, errar, acertar e algumas vezes errar novamente.


**Espero que muitas amigas que compraram ou ganharam andadores para seus filhos não fiquem bravas, essa é apenas uma opinião. Como sempre digo, nada melhor do que ser mãe para escolher o melhor para o seu filho!**


Aguardo a opinião das mamães sobre o uso de andadores aqui nos comentários!!!




6 comentários:

  1. Que engraçado!! Assim que eu comecei a ler o topico pensei em escrever um comentario dizendo que aqui no Canada é proibidissimo, mas ai vi que vc fala sobre isso.
    Bem, eu também sou contra a andador.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  2. Muito bem colocado os riscos trazidos pelos andadores. Eu fui contra colocar meu menino mais velho no andador, até que ele ganhou um. Eu tinha medo dele ficar com a postura errada, demorar mais a andar... Sabe aqueles com mesinha que afasta um pouco mais as mãozinhas ligeiras do perigo, desses aí. um santo remédio pra minha dor nas costas. Ele ganhou a liberdade de um bípede. usou durante 1 mês e começou a andar sozinho (com 11 meses). Com a minha mais nova foi diferente, ela é prematura de 33 semanas (7 meses, nós colocamos ela no andador com os mesmos 10 meses do Luigi, ela completa 1 ano essa semana e andar... nada. Mas como você mesma disse, cada um tem seu tempo né?! Sou a favor do uso do andador, desde que o ambiente seja adequado à ele. Sem tomadas, sem degraus, sem pontas de mesa, coisas que possam ser derrubadas... Parabéns pelo garotão!! Muito lindo :D

    ResponderExcluir
  3. Eloíse, amei a sua reflexão e pesquisa a respeito do assunto. Na maioria das vezes, essas invenções, são para facilitar a vida dos adultos e não a dos bebês. Eu acredito que um bebê vá ficar em pé, qdo neurológicamente e motoramente estiver pronto prá isso. Não vejo pq fazer de conta que podem, o que ainda não podem.
    Minha filha está com 10 meses e a alegria dela é ficar em pé. Sobe em tudo, me escala, consegue equilibra-se por alguns segundos e cai... Ela está descobrindo, pesquisando, enfrentando desafios... Não vou cortar o barato dela com um andador, né? Mesmo que prá isso eu morra de dor nas costas. Beijo!:-))

    ResponderExcluir
  4. Olá! Vi que está me seguindo, vem retribuir a visita. Na verdade já conhecia o teu blog (já li tudinho. Rsrs) da lista das fraldas de pano, gosto muito do que escreve, da sua preocupação em dar um mundo melhor para o seu filho, muito legal mesmo! =D
    Estou te seguindo também, ok?

    beijo beijo

    Alice
    diaadiacomfrancisco.blogspot.com

    P.S: Também não quero um andador pra o Francisco, tava pensando em mais pra frente em comprar um desse que você comprou, que bom que falou as desvantagens dele também, já vou ficar esperta. Hehe...

    ResponderExcluir
  5. compre desse site http://www.mercadozets.com.br/ e gostei o site entrega rapido e com nota fiscal e garantia

    tem berço eletronicos celulares tv notebook computador acessorios para carros brinquedos artigos infantis e muito mais

    tem mais de 2000 produtos
    ...
    http://www.mercadozets.com.br/

    acessorios no link abaixo

    http://www.mercadozets.com.br/ListaProdutos.asp?idCategoria=110

    ResponderExcluir
  6. Meu bb tem 6 mesea e adoraaaaaaa o andador,nunk caiu,mas tbm nunk o deixo sozinho tiro qualquer coisa q possa vim a atrapalhar ou o fazer tropeçar acho que tendo todos os cuidados o andador pode ser um grande amigo das mamães e dos bb's

    ResponderExcluir